NOTÍCIAS - ESTRADA

Data de Publicação: 29/08/2020.

Murilo Fischer: o reconhecimento de uma carreira consolidada

Brasileiro participa da 107ª edição do Tour de France como convidado especial da organização

Murilo Fischer no Tour de France
Crédito: Divulgação

Foi sobre duas rodas que o brasileiro Murilo Fischer viveu momentos inesquecíveis durante os mais de vinte anos de carreira como ciclista, treze deles como profissional, onde defendeu as equipes mais cobiçadas do pelotão internacional e disputou as maiores competições do circuito mundial.

"Hoje tenho o sentimento de sonho realizado. Ao mesmo tempo, orgulho por em algumas oportunidades ser o único brasileiro disputando eventos como o Tour de France, Giro d’Itália, entre outros. Escrever essa história só foi possível por sempre pensar positivo, sempre ter um grande objetivo em mente, isso foi fundamental", declarou Murilo.

No seu invejável currículo, constam títulos históricos para o ciclismo brasileiro. Logo nos primeiros anos competindo na Europa, Murilo já se destacou e conquistou provas importantes, entre elas o Campeonato Mundial B, em 2003, resultado que contribuiu para que ele assinasse o seu primeiro contrato profissional no ano seguinte, com a equipe italiana Domina Vacanze.

Os resultados continuaram aparecendo com frequência, sempre acompanhados da simpatia e do profissionalismo apresentado pelo brasileiro, que cativava o público e as equipes por onde passava. Em 2005, após uma excelente temporada, com destaque para a 5ª colocação na prova de resistência do Campeonato Mundial de Estrada, finalizou o ano como campeão do Ranking Europa Tour UCI, título que o colocou de vez como destaque entre os melhores ciclistas do mundo.

Murilo Fischer também fez história ao ser o primeiro brasileiro a conseguir completar as três maiores voltas ciclísticas do calendário internacional (Tour de France, Giro d'Itália e Vuelta a Espanha). No Tour, Murilo ainda registrou seu nome no pódio ao conquistar a terceira colocação da 11ª etapa da edição 2012.

Após a disputa dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro (2016), Murilo se aposentou das competições e, hoje, desempenha um papel importante como executivo do ramo de bicicletas, compartilhando o conhecimento e a experiência adquirida após viver durante anos no mais alto patamar do ciclismo mundial.

Reconhecimento

Através da sua brilhante trajetória no ciclismo, Murilo Fischer merecidamente conquistou o respeito e a consideração de todos os envolvidos na modalidade, desde torcedores, passando por companheiros de equipe, colaboradores, técnicos, até organizadores de grandes eventos.

E foi esse reconhecimento que fez a Amaury Sport Organisation (ASO), organizadora do Tour de France, convidar o brasileiro Murilo Fischer à realizar a sua quarta participação na competição, mas desta vez como "embaixador", onde estará realizando o trabalho de relações públicas.

“Sempre é positivo quando somos reconhecidos, fiquei super feliz com o convite da ASO. Acredito que dentro de um cenário rico culturalmente, a valorização das pessoas acontece naturalmente, não só pelas conquistas, mas também pelo comportamento apresentado por cada um dentro das suas respectivas atividades. Participei de várias equipes mundiais, e minha maior conquista, acredito que tenha sido conhecer muitas pessoas e feito grandes amigos”, comentou Murilo.

“O Tour de France tem uma organização muito maior do que eu estava acostumado a ver como ciclista. É algo gigantesco, e um dos maiores cuidados que existem no TDF é o bom relacionamento entre patrocinadores/evento. Nesta edição do Tour, estarei fazendo parte de um seleto grupo formado por ex-ciclistas que terá a responsabilidade de acompanhar e explicar os detalhes do evento para os patrocinadores e demais convidados durante as etapas. Estaremos mostrando o funcionamento das equipes, táticas de corrida, falando sobre a nossa carreira, entre vários outros temas”, completou.

Tour 2020

O Tour de France 2020 promete muitas emoções, talvez a edição mais dinâmica e exigente dos últimos anos. Na sua 107ª edição, o Tour apresenta um percurso repleto de montanhas, incluindo apenas uma etapa completamente plana (10ª etapa) e um contrarrelógio individual (20ª etapa) que também irá terminar na subida.

Ao todo, os ciclistas irão percorrer 3.484,2 quilômetros divididos em 21 etapas com dois dias de descanso. A primeira largada “Grand Depart” acontece neste sábado, 29 de agosto, em Nice, e a competição irá seguir por mais três semanas até chegar na etapa final, dia 20 de setembro, no Champs-Élysées, em Paris.

Assessoria de Comunicação - CBC

Telefone: (61) 3585.1051 | (61) 9123.2218 
E-mail: imprensa@cbc.esp.br 
Curta a página da CBC no Facebook
Assista aos nossos vídeos no Youtube Canal Oficial da CBC

 


 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - ESTRADA

VER TODAS